sábado, 21 de maio de 2011

Episódio 2# - Parte 15

 - Barbara, Barbara!! - chegou Isabella gritando exasperada - Está tudo bem?
 - Não, não está tudo bem. - respondi soluçando.
 - Eu vi o que o Edward fez com você. Estou abismada, achei que ele realmente amava você.
 - Pois é, você não foi a única.
 - Vem cá Barbara, deixa eu te dar um abraço.
 Por mais que eu não esteja acostumada com essa escola, não me sinta muito bem entre eles ainda, acabei de descobrir que Isabella é minha amiga.
 - Bell - disse ao infinito, mas ela ouviu.
 - Diga - ela respondeu.
 - Vou ter que te deixar.
 - Como assim?
 - Amanhã eu volto para a França.
 - Mas porque? Não gostou daqui?
 Estávamos deitadas, mas nesse momento senti que devia olhar nos olhos dela.
 - Ontem no jantar, contei para o meu pai do meu namoro. Ele não aceitou, disse que aqui não é bom para mim, e que eu iria hoje a tarde.
 - Hoje a tarde? - ela se levantou.
 - É por isso que Edward ficou de cara, porque eu cheguei fiquei com ele e agora vou embora.
 - Mas mesmo assim ele não podia ter feito isso, culpa não foi sua.
 - Mas ele não entende isso.
 - Eu vou falar com ele. - Ela ficou de pé e estava decidida, mas eu fiquei de pé também e disse.
 - Você está maluca? Vai dizer o que? Para ele ir comigo?
 Ela não disse nada, ficou olhando para mim, com cara de 'você está certa não tem o que dizer'.
 - Que aula você tem agora? Vamos para sala, já estamos atrasadas.
 - Higiene e você?
 - Também, então vamos. Vou sentar com você.

Postar um comentário