sábado, 30 de abril de 2011

Episódio 2#

 Ahm? Onde que estou? Está tudo embaçado, isso parece um hospital, olhando melhor estou em um quarto de hospital, mas o que estou fazendo aqui? Eu estou bem.
 - Barbara? - perguntou alguém - Você está bem?
 - Quem pergunta? - respondi.
 - Seu pai, aqui.
 - Ah! Estou bem sim, pai. Mas o que aconteceu?
 - Eu não sei explicar direito, mas o que importa é que você está bem. Vou chamar Dr. Karlio para ele examinar ver se já pode levar alta.
 - Tudo bem.
 Dr. Karlio é meu médico particular, ele cuidou da minha mãe quando ela estava grávida de mim e pediu para meus pais biológicos que eles deixassem que ele cuidasse de mim sem receber nada eles aceitaram, sempre ele que cuidou de mim desde o meu parto até hoje. Ele está entrando na sala.
 - Olá, Barbara! Tudo bem?
 - Olá, sim - respondi.
 - Hm! Você não está quente, está vendo bem? - perguntou Dr. Karlio.
 - Sim - respondi.
 - Então já pode levar alta. - disse ele.
 - Me espera ali fora Barbara que quero falar umas coisas com o Dr. Karlio - disse meu pai.
 - Certo - fiz gesto com a cabeça, levantei da cama e sai do quarto.
 Eu quero falar com o Edward o que ele fez não foi normal. Andando pelos corredores aqui, aonde você está? Ali, tenho que agradecer pelo menos.
 - Edward, preciso falar com você. - falei em um tom mais alto, pois ele estava distante.
 - Sim, Barbara - respondeu ele se aproximando.
 - O que você fez no estacionamento foi incrível, como fez aquilo? - perguntei em voz baixa olhando nos olhos dele.
 - Oras, eu só puxei você - disse ele com um sorriso torto de quem esconde algo, eu preciso saber o que ele esconde.
 - Mas você estava do outro lado, perto do seu carro.
 - Barbara eu estava do seu lado.
 - Não estava, como chegou tão rápido até mim? - perguntei aflita, mas ainda em voz baixa - O que você esconde? Pode falar eu guardo segredos.
Postar um comentário